Loading...

Crise Econômica: abandonar o País é a melhor saída?

Com a taxa de desemprego subindo, as possibilidades de prosperar diminuindo...

Com a taxa de desemprego subindo, as possibilidades de prosperar diminuindo e a inflação como há muito não se via, tem muita gente que começa a pensar em abandonar o País e tentar a vida “lá fora”.

Ocorre que muito tem de ser pesado antes de tomar uma decisão tão grandiosa. É muita coisa envolvida quando se pensa em tentar a vida em outro País, principalmente quando se tem um passado profissional ou uma família em jogo.

Quando menciono “passado profissional”, quero dizer que muitas pessoas que estão construindo uma carreira, quando decidem ir embora sem ter nada de concreto lá fora, podem arriscar abrir mão do que já conquistaram para começar tudo de novo, como um estrangeiro, e, possivelmente, em outra área que não a de sua formação.

Às vezes, pode ser um tiro certeiro que muda a vida de uma pessoa para melhor, afinal, quantas histórias legais já ouvimos de pessoas que foram sem ter nada e conquistaram muito, não é? Mas, ouso dizer que essas histórias bem sucedidas são as de uma minoria e que a realidade pode ser um pouquinho diferente disso.

Por outro lado, quando me refiro a uma família em jogo, creio que as coisas ficam um pouco mais sérias, e isso deve ser levado em consideração com um peso muito maior. Quando se leva uma família para o exterior com uma proposta certa, o apoio da empresa que o convida e o aceite de todos os envolvidos, aí meu conselho é: vá agora!

Agarre essa oportunidade única de contar uma história extraordinária e de proporcionar vivências incríveis aos seus familiares! Entretanto, caso pretenda se arriscar levando todos para um cenário de incerteza, meu conselho é: pense melhor, certifique-se de que pesou todos os contratempos que pode enfrentar e se prepare para todos! E só então, siga viagem! A maioria dessas histórias de sucesso é de pessoas que já tinham um visto de outra nacionalidade aqui, uma família há tempos no exterior ali ou uma possibilidade praticamente certa acolá. Não se iluda!

Do mais, torçamos para que essa crise, como outras que já vimos, seja só uma fase, e que, como todas as fases, passe logo!

Boa sorte!